Seja um seguidor deste blog. Que tal?

Central Blogs

Numeros de postagens e comentários

por Mega Fire M.F

Blogueiros e não blgueiros

Dia e horas

Seguidores

Pesquisar

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

O canto da sereia

 Marinheiro, pescador.
Gente do mar
Fica louco de amor
Ao ouvir uma canção espalhando pelo ar.

Entre penedos,
Uma jovem
Apareçce nos rochedos
Colocando, com seu hipinotico canto, esse ser na nuvem.

Ele: Abobado e alucinado
Com tanta beleza pura
Joga-se nas aguas e a nado
Vai para os braços da bela criatura.

Ao ve-lo a caminho
Cai no ondulado manto;
O conduz ao seu ninho
E ao seu pranto.

É uma canção,
Diz um.
Quando ela entra em ação
Escapa nenhum.

Escrito em 1981  

5 comentários:

São disse...

Gostei do texto.

Fico aguardando mais recentes.

Saudações portuguesas.

O Sussurrar do Corpo disse...

Belo texto...um sussurro

Simone MartinS2 disse...

Saiba que nao são so as sereias que dominam os marinheiros, são todas as mulheres...rsrsrs...abraços

Célia disse...

Um poema místico e folclórico ao mesmo tempo! Raízes nossas - os humanos! Abraço, Célia.

ϟ Cynthia Brito disse...

Olá!
Muito boa tarde!
Vim visitar este espaço afim de convidar para lerem o blog da minha equipe do colegial, que trata-se de um projeto de inclusão social dos idosos, onde lutamos pelos direitos deles!
Podem nos ajudar? Se nos seguirem será muito satisfatório, pois precisamos de um alto número de pessoas que nos visitam.
Aqui está o link: http://emjpcantinhoespecial.blogspot.com

Ah, e quero dizer que os textos postados aqui são sempre de palavras muito ricas! Admiro!

Beijos.
http://cynthiadayanne.blogspot.com