Seja um seguidor deste blog. Que tal?

Central Blogs

Numeros de postagens e comentários

por Mega Fire M.F

Blogueiros e não blgueiros

Dia e horas

Seguidores

Pesquisar

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Comunicado



Este sou eu.
Estarei de férias de hoje até o dia 15.01.2011.
A todos os blogueiros amigos, que aqui passsaram e passarão ainda.. Que ficaram e ficarão meu amigo e seguidor, desejo uma feliz entrada de 2011. E consequentemente o ano inteiro. 
Saudações blogueais. 

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Amanhã



Não haverá nas ruas
Crianças sem roupas, nuas,
Atrás do que vestir e comer
Para poder viver.

Não haverá um mendigo
Sem abrigo
Para se aquecer
E até mesmo adormecer.

Não haverá um ladrão
Com arma na mão
À espera de um trabalhador modesto
E também honesto.

Neste mundo,
Bem no fundo
De nossos corações,
Só haverá dois sentimentos em nossas ações.

Todos os povos,
Velhos e novos,
Desejarão para sempre, de presente, a paz e o amor universal.
Por quê? Porque amanhã é natal.

Escrito por mim em 1981

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Desesperado



Dentro de um cubículo,
Sem uma brecha
Para entrar ou sair,
Eu me encontrava.

Tudo ali
Era escuro.
Via-se
Ou ouvia-se de nada.

Queria sair.
Ver e sentir a luz.
Andava para um lado,
Para o outro, o outro...

Já muito sem esperanças
E feito de tudo
Que era possível,
De repente ouvi e vi algo acontecer.

Ao mesmo tempo
Que ouvia a voz,
Uma porta se abria
E uma intensa luz entrava.

Corri à porta,
Mas ao tentar passa-la
Um vento forte
Empurrou-me de volta.

Não entendi
No momento
O que isso
Queria dizer.

Depois de pensar muito
E muito esperar
Caminhei para a porta
E saí.

Escrito po mim em1982

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Selo oficial do blog

Gostou deste blog, então copie o selo e divulgue-o no seu blog ou site. 

 

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Coisa de menino



Ainda menino
e moleque pequenino,
brincando, fazia planos
prá dali alguns anos.

Dizia querer ser
quando crescer
um aviador, um comandante
de avião gigante.

Pensava que seria fácil;
que não seria dificil,
que era vocação,
pois vinha do fundo do coração.

Tinha uma imensa vontade
de ter a idade e a capacidade
certa de poder pilotar esse avião;
de poder tirá-lo do chão.

Hoje, um menino crescido
e um pouc vivido,
descobri que nem tudo é possível,
mas que nada é impossível.


Escrito por mim em 1982  

sábado, 18 de dezembro de 2010

Selo

podem copiar

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

A musica do mundo




Saudações blogueais.
Mais um final de semana chegando. Somente uma semana para comemorar o natal: Aniversário de nascimento de nosso irmão maior. Irmão dos irmãos chamado Jesus Cristo de Nazaré. Mas vamos ao assunto do momento.
Estava caminhando ao meu carro para trabalho ir ao trabalho. Deu-me uma vontade de ouvir um determinado tipo de musica que, quando era pequeno - criança - meu pai obrigava-me e a meus irmãos (a gente não gostava do tipo de musica), de vez em quando a ouvi-las. Então peguei  os cd's, entrei no carro e os coloquei no radio/CD e em um trajeto de 35 km pus-me a ouvi-los.  Claro, que, um de cada vez. Hehehehehe.  E como foi bom. 
Certo. Aí você me pergunta: Que musicas são essas? MPB das antigas? Chorinhos? Samba? Digo-lhes que a musica é tocada em orquestra. Vocês vão dizer-me que todas as musicas podem ser orquestradas. E eu não discordarei.  Mas essa é diferente. Ela faz a gente viajar para lugares individuais - viagem solitária e única. Pode ter várias pessoas ouvindo-a ao mesmo tempo, mas cada uma vai estar na sua viagem.  Mesmo que o cenário, imaginado pelo autor, esteja ali pronto.
Quem nunca a ouviu? Acho que bem poucos. Muitas futuras mães ouvem e fazem eles ouvirem "obrigatoriamente" também. E no desenrolar da musica, os dois corpos, ou até três ou mais, vão sentindo sensações e reações  mutuas. Ela não é continua. Tem seus altos e baixos. Tem emoção a todo instante.
É isso aí: A musica clássica... a musica de todos os tempos.


Escrito por mim

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

A lua do poeta




No céu, lá está ela.
Uma esfera amarela ou branca
Que do poeta arranca
A poesia mais bela.

Apesar da distância,
entre ela e este poeta,
Este seu poeta não usa luneta
Para por em versos a sua essência.

Não é a quarta minguante,
Nem mesmo a quarta crescente;
A única do poeta é a descente,
A cheia, a nova elegante.

Quando chega a hora
De sua amada ir embora,
Pois já é aurora,
O poeta (triste) chora.

Escrita por mim em 1981  

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Pensamento da semana

Você não está aqui apenas para preencher um espaço ou para ser um figurante no filme de outra pessoa. Pense nisto: o mundo seria diferente se você não existisse. Cada lugar onde você esteve e cada pessoa com quem você já falou seriam diferentes sem você.

domingo, 12 de dezembro de 2010

Canção ao Mar




Ó imenso mar
Quando na sua praia sento
Dá-me um branco e só em ti penso:
Descontraído, mas atento.

Penso na sua natureza,
Nos seus sobe e desce,
Na sua beleza.

Ó mar finito,
Que como o universo
Parece infinito,
Não seja com quem te adora... peverso.

Caso contrário, sua bela espuma,
Com este alguém
Para um lugar qualquer suma.


Escrita por mim em 1981

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Pensamento para reflexão

Amanhã pode ser muito tarde para você dizer que ama, para você dizer que perdoa, para você dizer que desculpa, para você dizer que quer tentar de novo.


Insista! Tente mais uma vez! Só o hoje é definitivo!

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Internet: Bom ou ruim?






Escrever sobre o que hoje? Inicio de semana. Tempo nublado. Natal chegando. Férias também. Sobre o natal ainda está cedo. Faltam 3 semanas. Das férias... Talvez só quando voltar delas. Hehehehehe. Vamos em frente.
O que se usa mais hoje em dia? Para tudo ou quase tudo. Advinhem e terão um doce.  E então?
A internet. Concordam ou não?
Há algum tempo não muito distante de agora, existiam pessoas novas e hoje mais velhas, crianças que agora são adultos, que saiam para estudar e fazer pesquisa ou trabalho em grupo, passeavam (iam ao cinema, ao clube, na casa de amigos), brincavam( de pique- pega, esconde-esconde,pelada, bolinhas de gude, bete e outros mais). E as crianças de hoje? Será que continuam a fazer? Aí vem a pergunta: Hoje, nesse sair para estudar ou fazer qualquer trabalho em grupo ou até mesmo se divertir, onde eles vão? Para frente de uma telinha com teclados e aí então, ali mesmo, eles combinam o que e como irão fazer ou se divertem ali mesmo com vários aplicativos que ela tem ou talvez discutirem aonde irão depois. Se, se encontrar para uma balada. Ir a uma biblioteca? Encher uma mesa de livros e ler o mesmo tema em vários e depois rascunhar o que foi lido e e entendido? Isso, um ou outro continuam a fazer, mas a cada vez com menos frequência.
Até nós, adultos, que, quando crianças brincávamos livre, hoje, a maioria, estamos deixando algo a fazer, de lado, por causa dela.
Internet é liberdade ou prisão?


Escrito por mim   

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Maioridade penal? 18 ou 16 anos ou menos.


Saudações blogueais a todos.
Estamos na etapa final. Estamos no ultimo mês de 2010: Dezembro. Que bom. Só trinta dias para começar 2011. É um mês gostoso. Inicio de férias para a criançada. Também para alguns marmanjos: adolescentes e adultos. Daqui a pouco é verão, é praia.
Mas em se falando de férias e crianças que virarão adolescentes e depois adultos, vamos ao assunto que pretendo por em discussão.
Maioridade Penal. Qual a idade para que um ser humano, independente de suas origens, deve ser punida por prática de atos ilegais e criminosos?
Em vários países, a maioridade penal começa com o ato ilícito praticado pelo individuo, independente de sua idade. Por que não, aqui também? Muitos vão dizer... eles não sabem o que estão fazendo. Outros dirão... são apenas crianças, são apenas adolescentes.  São obrigados a praticar tais atos a mando de  pais, parentes ou "amigos". Pais, parentes ou amigos? Estranho, mas não impossível.
Dirão, também, que a culpa é da sociedade. Essa, que não dá oportunidade a todos. Que, só, quem está na inclusão é  o "rico". O "pobre" é o excluído, sem oportunidade.  Uma ideia ou afirmação falsa.
A nossa constituição diz "todos somos iguais perante a lei......". Até que ponto? Será aí que começa a desigualdade? Na própria constituição? Talvez sim. Talvez não.
Da constituição, vem os mil e um códigos  regulamentando determinado artigo ou artigos. E um deles é o ECA que protege a criança e o adolescente de determinados deveres para com a família e a sociedade. É onde pega a maioridade penal. Sabendo, que só tem direitos e nenhum deveres, eles podem fazer e fazem o que querem. Desde não querer ir a aula até a ponto de roubar, estuprar e assassinar. Sabem que nada lhes acontecerá. Vai para uma instituição educacional qualquer. É colocado com  outros de diferentes idades, muitas vezes, e, dali sai adulto como se nada tivesse acontecido.
Independente da idade, de classe social, a maioridade penal  deveria ou deve se a partir do ato ilegal e criminoso praticado pela criança ou adolescente. Eles sabem muito bem o que estão fazendo. Daí para frente a criança deixa de ser  criança e adolescente deixa de ser adolescente passando a ser tratado como adulto e respondendo plenamente pelos seus atos. Cada um com a sua faixa etária.
Redução da maioridade penal? Um referendo! Sim? Não? Deixa como está. Não vai adiantar mesmo.

Escrito por mim