Seja um seguidor deste blog. Que tal?

Central Blogs

Numeros de postagens e comentários

por Mega Fire M.F

Blogueiros e não blgueiros

Dia e horas

Seguidores

Pesquisar

segunda-feira, 30 de abril de 2012

Dia Mundial. Feriado Internacional



Olá para todos vocês que por aqui passam todos os dias. Vocês que são, eram, serão blogueiros ou não. Para mim não importa o que vocês são. O importante é vocês estarem aqui lendo o que escrevo e comentando. Dando suas opiniões. Opiniões, estas a favor ou contra. Para mim é importante essa opinião. Vocês são especiais para mim. É verdade.
Mudando um pouco de assunto. Que assunto? Estava escrevendo um assunto? Não. Só comentando. Mesmo. Bem. Hoje, ultimo dia de abril. Amanha já será outro mês. E um mês que já se inicia com um feriado. E não é qualquer feriado. É um feriado internacional. Um feriado comemorado em todos os países deste planeta. É o Dia Iternacional do Trabalho. Interessante ninguém ou poucos, bem poucos mesmos, trabalharem e muitos nascerem neste dia. Deve ser bom nascer nesse dia. Sempre vai ter uma comemoração.Uma não. Duas. Uma por ser o dia do trabalho que ninguém trabalha, como foi dito antes e por ser aniversário de pessoas que neste dia nasceram, como também foi dito antes. Então a todos que nasceram neste dia e por este dia vamos comemorar dizendo: Feliz DIA MUNDIAL DO TRABALHO. VIVA O TRABALHADOR de todas as ocupações, de todas as raças, credos e sexo. E vamos como o nosso trabalho, fazermos um mundo melhor para nós, trabalhadores de hoje, para os que já trabalharam e hoje não mais pois estão aposentados e os que ainda trabalharão. Todos juntos, unidos.

Escrito por mim 
     
Um pouco de história: ( Fonte: Wikipedia)
Em 1886, realizou-se uma manifestação de trabalhadores nas ruas de Chicago nos Estados Unidos da América.
Essa manifestação tinha como finalidade reivindicar a redução da jornada de trabalho para 8 horas diárias e teve a participação de milhares de pessoas. Nesse dia teve início uma greve geral nos EUA. No dia 3 de Maio houve um pequeno levantamento que acabou com uma escaramuça com a polícia e com a morte de alguns manifestantes. No dia seguinte, 4 de Maio, uma nova manifestação foi organizada como protesto pelos acontecimentos dos dias anteriores, tendo terminado com o lançamento de uma bomba por desconhecidos para o meio dos policiais que começavam a dispersar os manifestantes, matando sete agentes. A polícia abriu então fogo sobre a multidão, matando doze pessoas e ferindo dezenas. Estes acontecimentos passaram a ser conhecidos como a Revolta de Haymarket.
Três anos mais tarde, a 20 de Junho de 1889, a segunda Internacional Socialista reunida em Paris decidiu por proposta de Raymond Lavigne convocar anualmente uma manifestação com o objectivo de lutar pelas 8 horas de trabalho diário. A data escolhida foi o 1º de Maio, como homenagem às lutas sindicais de Chicago. Em 1 de Maio de 1891 uma manifestação no norte de França é dispersada pela polícia resultando na morte de dez manifestantes. Esse novo drama serve para reforçar o dia como um dia de luta dos trabalhadores e meses depois a Internacional Socialista de Bruxelas proclama esse dia como dia internacional de reivindicação de condições laborais.
Em 23 de Abril de 1919 o senado francês ratifica o dia de 8 horas e proclama o dia 1 de Maio desse ano dia feriado. Em 1920 a Rússia adota o 1º de Maio como feriado nacional, e este exemplo é seguido por muitos outros países.
Apesar de até hoje os estadunidenses se negarem a reconhecer essa data como sendo o Dia do Trabalhador, em 1890 a luta dos trabalhadores estadunidenses conseguiu que o Congresso aprovasse que a jornada de trabalho fosse reduzida de 16 para 8 horas diárias.
  

2 comentários:

Célia Rangel disse...

Por essa e por outras... Viva o Dia do Folgado...
Abraço, Célia.

VILMA PIVA disse...

Lembrar que graças ao Trabalhador podemos desfrutar de uma maneira geral, dos serviços das tantas profissões que contribuem com o nosso conforto, saúde e comida na mesa, é uma grata reverência que dispomos nesse Dia Mundial do Trabalho!Feliz Dia do Trabalho, amigo! Beijos! Vilma